Como funciona um Consórcio Honda ?

Fundado em 1981, o Consórcio Honda é referência no país. Mais de 500 funcionários e mais de 5 milhões de motocicletas foram entregues desde sua criação.

Para formar um consórcio, você pode procurar uma das centenas de concessionárias localizadas em todo o Brasil.

Diferente de outros tipos, o consórcio Honda é a união de pessoas com um objetivo comum: realizar o sonho de possuir as motocicletas da marca.

O consórcio Honda é formado por pessoas que pretendem comprar este item em uma faixa de preço aproximada.

Os consorciados pagam parcelas mensais à administradora que cuida de todos os trâmites do sorteio e têm garantia pelos meses acordados.

Em um sorteio mensal, o vencedor receberá uma carta de crédito para a compra da motocicleta.

Vale lembrar que as parcelas devem continuar até o final de cada mês, sejam elas consideradas no início, no meio ou no final do consórcio.

O que é necessário para participar do consórcio Honda?

Para aderir à aliança do consórcio, você precisa encontrar o revendedor mais próximo de você. No site da Honda é possível simular o melhor valor para parcelamento e mensalidades.

Além de cuidar de todas as partes burocráticas do consórcio, as administradoras reúnem os interessados ​​nos mesmos modelos e planos que você.

Nesse ponto, os planos disponíveis serão exibidos para escolher o que for mais relevante para suas finanças ou gostos pessoais.

Antes de formar um consórcio, é interessante entender que a parcela consiste em:

  • Fundo Comum: valor destinado à compra da motocicleta. Ele é utilizado para contemplar mensalmente os consorciados, seja por sorteio ou lance. No fim do consórcio, o dinheiro que não foi utilizado para este fim volta para o cliente.
  • Taxa de Administração: valor que a administradora cobra para organizar e administrar o grupo até o fim do consórcio.
  • Fundo de Reserva: valor pago para emergências que podem acontecer no grupo. Pode ser utilizado em situações onde não haja saldo no Fundo Comum da cota.
  • Seguro de Vida: valor calculado sobre as parcelas. O dinheiro é uma porcentagem cobrada mensalmente para garantir que o consorciado que faleça ou tenha invalidez permanente por acidente não fique sem o bem. Se acontecer uma dessas situações, o montante que falta será quitado pela seguradora e a contemplação será feita.

O parcelamento pode ser feito por meio de um “Slip”, um boleto específico da Honda, recebido por correio ou e-mail.

O pagamento pode ser feito em caixas eletrônicos, casas lotéricas, banco online ou por cartão de débito automático. Somente aqueles que fazem pagamentos em dia são elegíveis para entrar nos sorteios mensais.