Saque aniversário do FGTS com os dias contados

Os saques de aniversário do FGTS (Fundo de Garantia da Longevidade do Serviço) bateram o recorde de saques de janeiro. Os fundos resgataram um total de R$ 1,11 bilhão, superior aos R$ 1,10 bilhão registrados em janeiro de 2022 e R$ 1,07 bilhão em 2021. Já existem alguns que permitem saques de fundos dentro de três meses consecutivos a partir assim do aniversário do titular da conta. O secretário do Trabalho, Luiz Marinho, disse assim que impediria novas adesões a partir de março.

No entanto, embora esta seja uma medida que cresce de ano para ano e o número de trabalhadores que a ela aderem é cada vez maior. Os dias do aniversário estão contados.

Desde o início do ano, o ministro do Trabalho, Luiz Marinho, disse assim que o pacote anual de resgate havia acabado. Após seu primeiro discurso, Marinho acabou renunciando ao cargo, dizendo assim que reavaliaram o modelo de saída de aniversário.

Porém, no final de janeiro, o ministro voltou a falar no fim da campanha. Chegando assim a dizer que novos pedidos de saque por aniversário não seriam mais permitidos a partir de março.

Por que o saque de aniversário FGTS foi removido?

Segundo Luiz Marinho, tem havido muitas reclamações dos trabalhadores, devido ao valor ser retido por dois anos em caso de demissão, pois quem optou pelo saque-aniversário e depois quis voltar para o saque-demissão teve que esperar um total de 25 meses.

Outra questão abordada pelo ministro é o enfraquecimento do dinheiro aplicado no governo, visto que o FGTS está sendo resgatado. Para quem não sabe, enquanto um trabalhador não resgata o saldo do seu fundo de garantia, o governo pode usar esses recursos para custear obras de infraestrutura e saneamento.

“Temos que acabar com esse formato de saque de aniversário. Não distorcemos os contratos existentes”, disse ele em entrevista à GloboNews.
No início de janeiro, o ministro informou que iria propor ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) o fim do modelo. Ele voltou atrás logo em seguida, dizendo que o fim do saque aniversário do FGTS seria “objeto de amplo debate”.

Agora, no entanto, ele não apenas está dizendo novamente que provavelmente encerrará sua saída de aniversário, mas também marcou uma data em que não será mais uma opção, que é março.

E os saques para o resto do ano?

Nova adesão ao esquema deve terminar em março caso o governo decida encerrar o saque aniversário, porém, o calendário de pagamentos deste ano seguirá até o final do ano.

Isso porque os trabalhadores nascidos em janeiro resgataram seu valor e os nascidos em fevereiro estão sacando do valor disponível, se o governo optar também por acabar com os pagamentos aos nascidos entre março e dezembro depois de março, isso vai causar desconforto.

ultimas noticias