Revisão da Vida Toda na Aposentadoria

Quer saber o que significa uma revisão da vida toda? Então você veio ao lugar certo. Neste artigo, você encontrará a resposta para essa pergunta, quem tem direito a requerer, se vale a pena e mais sobre ações que podem aumentar o valor do seu benefício.

Nesta quinta-feira (01), o STF votou por 6 a 5 para confirmar decisão de fevereiro de 2022 que permitiria aos aposentados e pensionistas do INSS solicitar a revisão dos benefícios. A decisão permite a alguns aposentados o direito de recalcular o valor do benefício para levar em conta as contribuições feitas antes de 1994 e passar a receber valores maiores.

INSS e Revisão para a vida toda

Uma das principais questões que afetam os valores das pensões é o chamado “divisor mínimo”. Esse mecanismo foi pensado para calcular a contribuição média para o INSS, mas infelizmente reduziu o valor da aposentadoria de um grande número de pensões, principalmente para quem contribuiu muito pouco depois de 1994.

Com a quebra de revisões vitalícias e divisores mínimos, os pagamentos de aposentadoria podem ser aumentados substancialmente. Isso é feito modificando o período base de cálculo para levar em conta todas as contribuições antes e depois de 1994. Dessa forma, o valor da aposentadoria pode ser aumentado substancialmente em muitos casos.

Além disso, eu, Advogado Diego Idalino Ribeiro, chamo a Revisão de Vida de “Revisão de Trajetória de Vida” porque abre uma nova oportunidade de considerar todos os salários que você tem ao longo de sua trajetória de vida, especialmente aqueles que são negligenciados. INSS. Se você está se perguntando quais documentos você precisa, olhe para trás em sua vida.

É importante observar, porém, que nem sempre o INSS considera todos os salários posteriores a 1994, o que pode afetar o cálculo da aposentadoria. É muito comum as pessoas ficarem muito tempo sem contribuir, principalmente depois de 1994, o que afeta muito o cálculo da aposentadoria por idade.

O que é Revisão para a vida toda?

O Revisão para a vida toda estende o período de cálculo da aposentadoria para considerar todas as contribuições ao longo da vida do trabalhador, não apenas o período entre 1994 e a data da aposentadoria.

Qual é o menor divisor em uma Revisão para a vida toda

Com a emenda, foi possível eliminar o dividendo mínimo, que prejudicou muitas pessoas que contribuíram a menos entre 1994 e a data da aposentadoria.
A revisão poderia levar a um aumento significativo no valor da pensão, principalmente se o trabalhador contribuísse com um salário alto antes de 1994, ou mesmo se não fosse tão alto em valor, havia pouco ou muito pouco valor depois de 1994.

Quem tem direito à Revisão Vitalícia?

• Pessoas que se aposentaram após 1999 podem pedir revisão até 13/11/2019, quando entrou em vigor a reforma da Previdência.
Quem se aposentou após a reforma em 2019 ainda tem o direito de revisar se adquiriu direitos às regras antes da reforma.

  • Além disso, uma revisão vitalícia pode ser justificada quando você tiver estes sinais:
  • • atingiu a idade de aposentadoria até 13 de novembro de 2019
  • • Completar o prazo de pagamento antes da reforma da previdência
  • • Bom salário e contribuição antes de 1994
  • • Cortes ou reduções salariais após 1994
  • • Pode se beneficiar ao cair no menor divisor, mesmo com baixos salários anteriores a 1994

Como saber se você tem direito a revisão vitalícia?


• Calcular se uma revisão vitalícia é benéfica para o seu caso de aposentadoria
Conclusão: Basta fazer as contas para saber se você tem direito a revisão vitalícia.

ultimas noticias