Faça a sua Aposentadoria Híbrida HOJE! Como Funciona e Como Solicitar

Existe um tipo de aposentadoria chamada Aposentadoria Híbrida, que é um tipo de aposentadoria que permite uma única aposentadoria que atende as regras de diversos tipos. Então, estamos falando de combinar o tempo de trabalho rural com o tempo de atividade de uma pessoa com deficiência.

Aposentadoria híbrida

Vamos supor que uma pessoa trabalhe no campo por 10 anos e desenvolva uma deficiência após esse tempo. Posteriormente, mudou-se para área urbana para tratamento, onde iniciou suas atividades como portador de deficiência. Afinal, é possível passar o tempo todo na aposentadoria? A resposta é sim. E o mais importante, o ideal é fazer uma avaliação com um advogado previdenciário para fazer os cálculos e definir as melhores opções de aposentadoria e a documentação necessária para somar a esse número de anos de serviço.

Aposentadoria para trabalhadores rurais

Aquele que exercem atividade remunerada em área rural também têm direito à aposentadoria. Esta opção está disponível em determinadas circunstâncias. Portanto, pessoas que atuam e contribuem com o INSS de diversas formas podem ter direito a esse pagamento. Os funcionários vinculados a empresas podem ser registrados como trabalhadores rurais na Carteira de Trabalho, pelo regime de Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). Esta é a principal forma de conseguir a aposentadoria

Outra opção também bastante utilizada são as contribuições individuais. Dessa forma, as contribuições são feitas por meio de uma ficha de pagamento. Quem trabalha como autônomo ou mesmo segurado especial também tem a possibilidade de recebimento do valor. Notadamente, o primeiro é para aqueles que estão vinculados à cooperativa, mas não têm vínculo empregatício contínuo. O segundo é apenas para serviços econômicos familiares. Isso significa que se aplica a atividades de subsistência.

Aposentadoria para portadores de deficiência

Aqueles classificados como PCD podem se aposentar de forma diferente. Isso ocorre porque pode haver menos anos quando você solicitar benefícios. Esta situação depende do tipo de deficiência que a pessoa tem. Nestes casos é necessário realizar um exame médico em conjunto com um funcionário do município.

Depois de preenchidos os formulários de perícia médica, eles classificarão o nível de incapacidade, que pode ser leve, moderado ou grave. Este departamento é responsável por mostrar até que ponto a deficiência afeta as condições de vida dos trabalhadores. Dependendo da classificação, a pessoa pode se aposentar mais cedo.

Veja também: