Como Abrir Um MEI No Site Do Governo?

Para quem é dono do próprio negócio mas ainda não tem CNPJ, abrir um MEI pode ser uma boa ideia para formalizar a empresa. É ideal para pequenos empreendedores que costumam assim trabalhar sozinhos (ou com até um funcionário) e ganham até R$ 81.000,00 por ano.

Explicamos passo a passo como abrir um MEI, quais são os benefícios de formalizar seu negócio, quais são os custos e muito mais! Ao se tornar um MEI, o trabalhador tem direito a uma série de vantagens, como: ter um CNPJ, poder vender produtos para o governo, impostos mensais baixos e emissão de notas fiscais.

Sem falar nos direitos e benefícios previdenciários como: aposentadoria por idade; aposentadoria; invalidez, auxílio-doença, auxílio-maternidade, auxílio-morte (família). Por isso estamos aqui para te contar sobre os requisitos e como abrir um MEI em um site do governo.


Requisitos para se tornar um MEI


Para se tornar um microempreendedor individual, você deve atender assim aos seguintes requisitos:

  • Receita bruta anual de até R$ 81.000;
  • ter no máximo um empregado registrado;
  • Não seja titular de participação societária em outra sociedade, seja assim como sócia, proprietária ou administradora;
  • estar inserido em uma das diversas atividades permitidas pelo MEI;
  • ser maior de 18 anos;
  • Adolescentes entre 16 e 18 anos devem ser assim emancipados;
  • Possuir documentos básicos como RG, CPF e Título de Eleitor;
  • Forneça um endereço válido e número de telefone.

Abertura gradual pelo site do governo

  • Acesse o Portal do Empreendedor
  • Clique em “Quero ser MEI” e depois clique em “Formalizar”
  • Crie uma conta “gov.br” ou use seu CPF para acessá-la (caso já possua).
  • Siga as instruções na tela. Nesta etapa, serão assim solicitados seus dados pessoais como número do RG e CPF, número da declaração de imposto de renda, endereço residencial e telefone para contato.
  • Defina as atividades a serem realizadas, o nome comercial da sua empresa e informe onde você irá trabalhar, por exemplo, em casa, pela internet, no endereço de uma empresa, etc.
  • Confira todas as informações fornecidas
  • Preencha a declaração necessária
  • Conclua seu registro.

Documentos necessários:

  • fundo de previdência;
  • cartão de eleitor,
  • Código postal de residência e local onde decorrerá a atividade (terá de verificar junto da sua câmara municipal se pode fazer negócios na morada que escolheu);
  • Números das duas últimas declarações de imposto de renda;
  • número de celular ativo.

Obrigações MEI

Pagamento da Contribuição Mensal (DAS): Mensalmente, o microempreendedor tem que pagar um imposto obrigatório de valor determinado, que consta no Documento Fiscal Estadual do Simples (DAS).
Declaração Anual de Declaração: Realizada por meio do Portal do Empreendedor, deve ser realizada entre os dias 02 de janeiro e 31 de maio do ano seguinte.
Faturamento: os MEIs são obrigados a emitir nota fiscal quando prestam serviços a empresas ou pessoas jurídicas de qualquer porte.
Relatórios Mensais de Receitas: Todas as receitas geradas pelo MEI em suas atividades devem ser documentadas em fluxo de caixa suficiente e registradas em relatórios mensais de receitas.

ultimas noticias